Cursos Tecnológicos

109

Cursos Tecnológicos

Cursos Tecnológicos

Tire todas as suas duvidas!

 

Legalmente, para  um profissional ser classificado como Técnologo, ele deve ser formado em alguns dos cursos tecnológicos autorizados pelo MEC, mas antes de falar sobre os cursos tecnológicos e fundamentos desse segmento de estudo é muito importante ressaltar as diferenças entre um profissional técnico e um tecnólogo.

 

Um curso técnico é focado em uma atividade específica de apoio a engenharia, por exemplo, um técnico de meio ambiente não pode tomar diversas decisões relacionadas ao trabalho em sí, mas possívelmente é o mais capaz de fazer determinadas atividades TÉCNICAS que não são executadas com tanta frequência pelo engenheiro. Logo é possível entender que um técnico é responsável por atividades que o engenheiro domina mas não tem prática por estar envolvido em decisões de mais determinância e importância do projeto.

Saiba o que escolher.
Saiba o que escolher.

O fator financeiro também impacta, a remuneração de um técnico e menor do que a de um engenheiro, sendo assim, é mais viável para a empresa contratar um técnico para a atividade específica do que outro engenheiro.

tecnólogo tambem é focado em uma atividade específica, mas estuda a mesma em nível muito mais aprofudando e conceitual do que o curso técnico.

 

Um curso superior de redes de computadores por exemplo, é tecnologo, tem dois anos e meio e abrange toda a ciência envolvida na transmissão de dados, é bem parecido com o curso de engenharia de telecomunicações, mas foca a maior parte de seu tempo em estudos conceitos necessários para entender as redes de curta, média e longa distância.

Nesse aspecto, confude-se muito o tecnólogo de redes com técnico de informática, o que é a mesma coisa que confundir um Jornalista com o operador da prensa que imprimi o jornal(Sem desmerecer o trabalho de ninguem! É apenas uma analogia).

 

Em qualquer situação, a decisão final de qualquer projeto é do engenheiro. O Tecnólogo é um expert de sua área, mas que normalmente é contratado como analista e não tem autonomia para tomar as decisões estratégicas. O  técnico é o executor, devidamente qualificado para ir a campo executar as tarefas que exigem habilidade específica para uma atividade.

Quando você entra em um curso superior, você deve escolher qual a modalidade fará:

Licenciatura, Bacharelado, Tecnólogo
Licenciatura, Bacharelado, Tecnólogo

Licenciatura

Cursos voltados ao ensino, um aluno de licenciatura de medicina, não tem interesse em se tornar médico e fazer atendimento em hospitais, o seu foco é dar aulas em cursos técnicos e superiores.

Bacharelado

Curso voltado para a exerção da função, um aluno de ciência da computação por exemplo, tem o objetivo de se tornar um analista de sistemas, desenvolvedor de software entre outras funções.

Tecnológico

O Aluno tem o objetivo de trabalhar efetivamente na área, porém precisa de um aprofundamento específico em assuntos pertinentes ao seu trabalho.

 

Leia também sobre: Enem 2012 e Vestibular 2012